Criação do perfil de cada operador e Feedback sobre evolução da execução ao operador

3
1 year agocompleted0

Algo importante a explorar é a implementação de elementos (associados ou não a AI) de modo a criar um perfil da performance individual de cada operador, com especial destaque para os caixeiros de modo a manter médias de:
a. velocidade média por metro percorrido, podendo ir ao ponto de ter um valor para deslocações dentro do mesmo corredor e outro para deslocações entre corredores e para deslocações da área de execução para o cais ou o sítio onde deixa a palete depois de executada.
b. tempo médio de execução por volumes por cada corredor do armazém (pois o tempo de execução médio de um corredor com artigos grande e pesados pode ser muito diferente de artigos pequenos e leves). Estes tempos médios podiam até ser recolhido para a execução de 1 UN, entre 2 e 5, entre 6 e 10, entre 10 e 20, etc, de modo a ter uma estimativa do tempo de execução o mai exacta possível.
c. podia-se até conseguir ter tempos diferenciados entre se o artigo está no primeiro nível do picking, segundo, terceito, etc.
d. O perfil podia ainda distingir entre valores para as primeiras 4 horas de trabalho e as ultimas 4 horas de modo a incorporar o elemento de cansaço.
e. Aplicando o perfil à UDT que é atribuida ao operador o sistema faria a estimativa do tempo de conclusão da UDT e do momento previsto para a execução de cada artigo.
f. Na aplicação de RF o PDT poderia manter no display diversas barras de progresso que mostrasse o progresso efectivo do operador contra o tempo estimado.
g. No voice isto poderia ser substituido por informação vocalização a cada x tempo.
h. Quer no voice quer no PDT o sistema deveria enviar avisos ao opeardor indicado que apresenta um atraso acima de um determinado valor definido.

Ticket #20007217

(by Vitor Dias)

Leave a Reply